Marketing

As 10 startups brasileiras que estão em destaque

NexBoard Studio
·
28/12/2021

O Brasil não se configura como um mar de almirante para as startups, estima-se que 90% delas acabem afundando durante as frequentes tempestades. No cenário atual do Brasil pandêmico – caminhando para pós-pandêmico -, as startups que conseguem se manter e prosperar já podem se considerar vencedoras.

Desde 2017 o LinkedIn divulga uma lista com as 10 startups que mais tiveram destaque durante o ano. A pesquisa para a lista leva em consideração o engajamento dos usuários, interesse por vagas, número de funcionários. As jóvens empresas elegíveis são aquelas que possuem no mínimo 50 funcionários e foram fundadas até no máximo 2013. Além disso, elas precisam ter sede no Brasil e serem propriedades privadas. Confira abaixo as startups que se destacaram no último ano (2021).

1. C6

C6 é uma startup fintech, fundada em 2018 e tem sua sede em São Paulo. Atualmente conta com 1413 funcionários. Um dos diferenciais da C6 em comparação aos outros bancos digitais é a sua recente plataforma de investimentos em rendas variáveis e fixas. Em 2019, apenas 1 ano após sua fundação, a C6 foi escolhida para ficar responsável pela venda de ingressos dos shows no Brasil da turnê mundial da Taylor Swift, o que levou a uma abertura de mais de um milhão de contas em menos de 6 meses! Boas parcerias são tudo, não?

2. Neon

Mais uma fintech! Regida pelo slogan “Simplificando a Vida”, a Neon é um banco digital fundado em 2016 por Pedro Conrad que, após perceber que pagou juros abusivos após o uso de 1 real do seu cheque especial, decidiu fazer algo para mudar essa realidadel. A Neon tem sede em São Paulo e conta com 1334 colaboradores. Em Janeiro de 2021 a Neon atingiu a marca de 10 milhões de contas abertas e ganhou o Prêmio Forbes Melhores Bancos!

3. GUPY

Com sede em São Paulo, a Gupy foi fundada em 2015 e tinha como objetivo a criação de novas tecnologias para o mundo do RH. Com mais de 700 empresas em sua cartela de cases, e alguns cases gigantes – como o caso da Claro -, a Gupy atualmente conta com 321 funcionários. Um dos diferenciais da Gupy é possibilitar que as empresas tenham acesso aos dados de diversidade dos candidatos sem, contudo, infringir a Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais (LGPD).

4. Kestraa

A Kestraa é uma Logtech especializada em logística para a resolução de problemas envolvendo comércio exterior. Fundada em 2017, tem sede em São Paulo, conta atualmente com 74 colaboradores. Trabalhando principalmente com impotação, a Kestraa tem grandes nomes em sua cartela de clientes, como a Ambev e a Leroy Merlin. Durante a pandemia, a Kestraa conseguiu levantar aporte de 15 milhões, acelerando seu crescimento e desenvolvimento.

5. Mandaê

Outra Logtech para a lista, a Mandaê foi fundada em 2014 e tem sua sede em São Paulo. Especializada em frete e entregas, conta com 202 colaboradores e tem seu foco em gestão logística, planejamento de empresas e sistemas operacionais. Com milhões de encomendas enviadas, a Mandaê foi comprada em 2021 pela maior plataforma de e-commerce da América Latina, a Nuvemshop.

6. Loft

Fundada em 2018, a Loft atua no mercado imobiliário. Com mais de 1000 funcionários, tem sede em São Paulo e  é o terceiro maior Unicórnio do país! No topo da lista de startups imobiliárias mais valiosas da América Latina, seu valor de mercado é de atualmente 2,2 bilhões de dólares.

7.  Dengo Chocolates

Uma foodtech na lista! A Dengo Chocolates foi fundada em 2017 pelo sócio fundador da Natura, Guilherme Leal, e Stevan Sartoreli. Com sede em São Paulo, conta com atualmente 398 funcionários. A Dengo Chocolates tem como estratégia de varejo a experiência do cliente e lançou em São Paulo a sua loja conceito. Em consonancia com a Natura, a marca adotou o seguro especial para produtores de cacau do sul da Bahia, para mitigar os impactos negativos ao meio ambiente.

8.  DataSprint

A DataSprint é uma startup de tecnologia da informação e serviços, com sede em Belo Horizonte. Fundada em 2019, a empresa oferece gestão de projetos, análise de dados e a possibilidade de seus funcionários trabalharem de qualquer lugar do Brasil. Conta atualmente com 59 funcionários.

9.  Kovi.

A Kovi é uma startup paulistava fundada em 2018 por João Costa e Adhemar Milani. Conta com atualmente 700 funcionários, é uma empresa de aluguel de carros com foco em motoristas de aplicativos. O aporte de mais de US$ 100 milhões foi anundiado em Agosto de 2021, a startup tem se destacado devido aos seus preços competitivos. Possui mais de 10 mil assinantes no Brasil e México.

10.  Liv Up

Comida saudável na lista! A Liv Up é uma foodtech fundada em São Paulo no ano de 2016. Seu principal trabalho é a venda e entrega de refeições prontas, mas também conta com delievery de legumes, verduras e frutas frescas. No ano de 2020, a Liv Up dobrou de tamanho, atingindo 100 milhões de reais em faturamento. Atualmente, tem mais de 700 funcionários que vão desde engenheiros de software até cozinheiros. Uma cartela diversa, conforto e praticidade são os diferenciais competitivos que a colocaram nesta lista!

Gostou desse conteúdo? Conhece alguma startup, já trabalhou em alguma ou está começando a introduzir a sua no mercado? Então compartilha com a gente sobre sua experiência e como o NexBoard pode te ajudar. Você pode fazer isso pelo nosso site (www.nexboard.com.br) ou pelas redes sociais. (@nexboardstudio).